Pérola da politicagem macaense.

Por Leonardo Mosquito

Com o intuito de antecipar as eleições e a propaganda eleitoral, levando a população a esquecer dos problemas concretos cotidianos e de seus responsáveis, atores da cena política macaense tentam conduzir-nos ao frenesi enlouquecido das trocas de favores, interesses pessoais, obras de maquiagem, etc, típicos da “politicagem” eleitoreira.

PSOL não é legenda de aluguel!

Surgem boatos nada inocentes a respeito de um partido, o PSOL, no município de Macaé-RJ. Partido este “pequeno, mas não nanico”, parafraseando Plínio de Arruda Sampaio. Tal ‘boato’ daria conta da ‘infiltração’, quero dizer, da ‘filiação’ para fins apenas eleitoreiros de uma figurinha já conhecida do meio político. Não vale nem citar o nome…

Bem isso significa dizer que o PSOL incomoda a muita gente por ser o partido que mais cresceu no país alicerçado pela luta, e não por conchavos. Um partido sem envolvimento com as maracutaias tão comuns em nosso município.

Pois, então, a organização do PSOL de Macaé (núcleo Serramar) não reconhece tal processo de filiação, como nenhum outro nesses moldes e sob tais interesses, e vai seguir vigilante caso investidas oportunistas sejam tentadas.

O PSOL Serramar vai seguir incomodando e afirmando que quaisquer filiações ao partido que não sejam pelas vias da luta e da militância concreta, serão debatidas pelo núcleo que por sua vez está preocupado com a resolução dos problemas do povo, com as causas coletivas dos trabalhadores.

Se no próximo ano participarmos das eleições na cidade, será para manifestar a luta da população macaense e de toda a região contra os problemas reais como a baixa qualidade nos transportes, a falta de acesso à moradia e à terra, ao emprego, a degradação ambiental, os baixos salários e a exploração dos trabalhadores, o descaso com a probidade administrativa da coisa pública. Estaremos mobilizados em prol de transparência política, democracia real, poder de decisão e controle social e participação direta da população nos rumos do município…

Basta de oportunistas!

No mais tudo, é fofoca, pois trata-se de época para alguns irresponsáveis darem as costas aos problemas reais da população enquanto movem seus peões no tabuleiro do fisiologismo político e dos interesses escusos.

Viva o Socialismo! Viva a Liberdade!

Léo Mosquito é petroleiro e militante do núcleo Serramar do PSOL – RJ

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s